Archive for the 'música' Category

Música para começar a semana # 2: “Just A Song About Ping Pong”

Música dos Operation Please, banda novíssima da Austrália: Just A Song About Ping Pong transborda imenso grau de energia, típica dos que são muito jovens – a violinista (!) Taylor Henderson tem 16 anos, o baterista Tim Commandeur, 17 (mas aparenta muito menos), o baixista Ashley McConnell + a tecladista Sarah Gardiner têm 18, e a vocalista Amandah Wilkinson, 19.O grupo começou a se destacar ao abrir as apresentações australianas de gente como Kaiser Chiefs, Arctic Monkeys, Maxïmo Park e Go! Team, chegando neste verão europeu a ser escalado para  imprtantes festivais da Inglaterra.    

 
Formado em 2007 para um ‘battle of the bands’ do colégio onde estudavam, o Operation Please tem um álbum, Yes Yes Vindictive, lançado em dezembro do ano passado na Austrália e em março deste ano na Grá-Bretanha (pela Virgin/EMI).
 
Agradecimentos ao bom gosto de Flávia Durante, em cujas discotecagens eu conheci a banda. 
A letra e o videoclipe seguem abaixo.
 

It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song about Ping Pong
Money order money order hear it today
I got another fifteen seconds and I’m ready to play I say
Money order money order hear it today
I got another fifteen seconds and I’m ready to play I say
I got my got my got my got my racket in hand
Not leaving till I play don’t think you understand
With that dirty dirty dirty dirty look on your face
I bet you know beef jerky has an after taste GO!

Money order money order hear it today
I got another fifteen seconds and I’m ready to play I say
Money order money order hear it today
I got another fifteen seconds and I’m ready to play I say
I got my got my got my got my racket in hand
Not leaving till I play don’t think you understand
With that dirty dirty dirty dirty look on your face
I bet you know beef jerky has an after taste GO!

If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running

CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team

If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running
Then I know you’re hiding
If I know you’re running

CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team
I said CHEATER
You’re favouritising the
I said LIAR
Opposing team

(Hook)
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song about Ping Pong.

It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song
It’s just a song about Ping Pong.

 

 

 

 

Anúncios

Música ao vivo para filmes silenciosos

Com performances musicais a cargo de Alberto Marsicano, Cid Campos, Duoportal, Jorge Pena, Laércio de Freitas, Loop B, Unholly Quartet e Livio Tragtenberg (também o curador do evento) que acompanham a exibição de vinte filmes, acontece de 8 a 17 de agosto na Cinemateca Brasileira a segunda edição da Jornada Brasileira de Cinema Silencioso. programação está dividida em cinco seções:
 
– Chaplin Club: 80 anos, uma homenagem à primeira iniciativa brasileira para discutir o cinema enquanto manifestação cultural e artística, com destaque para Aurora (Sunrise, 1927), de F.W. Murnau, Braza Dormida (1928, em cópia nova colorida), de Humberto Mauro, e Limite (1931), de Mário Peixoto;
 
Paolo Cherchi Usai apresenta…, reunindo preciosidades do cinema silencioso universal, como A Trindade Maldita (The Unholy Three, 1925), de Tod Browning;
 
Clássicos Japoneses, uma seleção de clássicos silenciosos do cinema japonês, com títulos assinados por Kenji Mizoguchi, Tomu UchidaMinoru Murata e Yasujiro Ozu;   
 
Destaques de Pordenone, um espaço para a Giornate del Cinema Muto, de Pordedone (Itália), o maior evento mundial do gênero; e 
 

El Puño de Hierro (1927)

El Puño de Hierro (1927)

Janela para a América Latina, com o muito curioso mexicano El Puño de Hierro (1927), de Gabriel García Moreno, filme em que um jovem, ao ser inoculado por uma injeção de morfina, tem um sonho cheio de peripécias que misturam influências dos seriados de aventura, de filmes de gângster e das fitas “ousadas” produzidas no período em vários países do mundo. 

A entrada é franca, o objetivo é “reproduzir e atualizar o formato do espetáculo cinematográfico nas primeiras décadas do século 20” e o evento é único, inventivo e envolvente.
 
Aqui, na íntegra, A Trindade Maldita.

Música para começar a semana: “Thou Shalt Always Kill”

Incrível a música Thou Shalt Always Kill, dos endiabrados Dan Le Sac vs Scroobius Pip (a “dupla inglesa tem discurso sério, mas despojado”, segundo a rraurl): letra divertida (abaixo) e videoclipe estimulantes (mais abaixo). 
No profile deles no myspace tem um remix legal, mas o original é insuperável!

Prestei atenção na faixa ouvindo-a na coletânea Un Été 2008, da gloriosa revista francesa Les Inrockuptibles.

Thou shalt not put musicians and recording artists on ridiculous pedestals no matter how great they are or were.
The Beatles – Were just a band.
Led Zepplin – Just a band.
The Beach Boys – Just a band.
The Sex Pistols – Just a band.
The Clash – Just a band.
Crass – Just a band.
Minor Threat – Just a band.
The Cure – Just a band.
The Smiths – Just a band.
Nirvana – Just a band.
The Pixies – Just a band.
Oasis – Just a band.
Radiohead – Just a band.
Bloc Party – Just a band.
The Arctic Monkeys – Just a band.
The Next Big Thing – JUST A BAND.

Thou shalt give equal worth to tragedies that occur in non-english speaking countries as to those that occur in english speaking countries.
Thou shalt remember that guns, bitches and bling were never part of the four elements and never will be.
Thou shalt not make repetitive generic music, thou shalt not make repetitive generic music, thou shalt not make repetitive generic music, thou shalt not make repetitive generic music.
Thou shalt not pimp my ride.
Thou shalt not scream if you wanna go faster.
Thou shalt not move to the sound of the wickedness.
Thou shalt not make some noise for Detroit.
When I say “Hey” thou shalt not say “Ho”.
When I say “Hip” thou shalt not say “Hop”.
When I say, he say, she say, we say, make some noise – kill me.
Thou shalt not quote me happy.
Thou shalt not shake it like a polaroid picture.
Thou shalt not wish you girlfriend was a freak like me.
Thou shalt spell the word “Pheonix” P-H-E-O-N-I-X not P-H-O-E-N-I-X, regardless of what the Oxford English Dictionary tells you.
Thou shalt not express your shock at the fact that Sharon got off with Bradley at the club last night by saying “Is it”.
Thou shalt think for yourselves.

And thou shalt always kill.

Para apreciar num domingão 3: Wong Kar-Wai x DJ Shadow x Chang Chen x Danielle Graham

Que Wong Kar-Wai é um dos diretores mais cult da atualidade, todo mundo concorda. Que uma de suas obras-primas seja um videoclipe, talvez só eu ache – mas tudo bem, compartilho com vocês.
Feito em 2002 para a pungente música Six Days, do DJ Shadow, o clipe conta com fotografia de Christopher Doyle (colaborador de cineastas como Gus Van Sant, Barry Levinson e Philip Noyce) e tem no elenco Chang Chen (do longa-metragem O Tigre e o Dragão, dirigido por Ang Lee) e pela modelo sensação na Ásia Danielle Graham.

Segue versão em baixa resolução – existe uma melhor em http://www.youtube.com/watch?v=iZKeSNZhm18, mas ela é not embedded. Enjoy.

 
 
 
 
 
 

 

 

 

 

 

Lulina no Música de Bolso

Autora de inspiradas e deliciosas canções, Lulina já acumula impressionante repertório – e nenhum álbum lançado.

 

Para quem quiser apreciar sua arte, ela é protagonista da nova edição do projeto Música de Bolso.

 

É um deleite.

 

 

 

 

Novidades no MySpace

Depois de um certo tempo, dei uma renovada no meu perfil no MySpace.

Lá agora tem música nova do Astronauta Pingüim e vídeos de queridos como Montage, Lulina, Haxixins, Jupiter Apple, Wander Wildner e da maravilhosa e eterna Nico.

 Nico

 

 

 

 

Poetas na Galeria – hoje

Mário Bortolotto, que interpreta o protagonista em “Augustas”, participa hoje do evento Poetas na Coletiva Galeria (Rua dos Pinheiros 493, Pinheiros, entrada franca, a partir das 21h00), reunindo poesia, música, jam session e exposição.
No final a banda “Saco de Ratos” manda um pequeno show acústico.

 

 

 

 

 


dezembro 2017
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Flickr Photos